Nota pública de repúdio relativa à liminar parcial concedida para que o Conselho Federal de Psicologia não interprete sua Resolução 01/99 como impedimento a psicólogos de estudar ou usar em atendimento profissional as técnicas para (re)orientação sexual


O Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais aprovou nesta quinta-feira (04) uma nota pública de repúdio relativa à liminar parcial concedida para que o Conselho Federal de Psicologia não interprete sua Resolução 01/99 como impedimento a psicólogos de estudar ou usar em atendimento profissional as técnicas para (re)orientação sexual.

Além de reafirmar a importância científica da resolução do CFP, o Conselho reforça a importância do entendimento da despatologização da orientação sexual e apoia as ações fiscalizatórias do Conselho Federal de Psicologia. A nota na íntegra está disponível no link abaixo.

http://www.sdh.gov.br/…/notas-publ…/nota-de-repudio-liminar/


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *